Farol da Nossa Terra – SOPONATA
quinta-feira, 17 agosto 2017

Teixeira da Silva — Sábado, 11 Janeiro 2014 — 7 Comentários

SOPONATA

TEIXEIRA DA SILVA *

Teixeira da Silva.JPG

.

A designação “SOPONATA” pretende dizer “SOCIEDADE PORTUGUESA DE NAVIOS TANQUE, SA” que foi fundada em 13 de junho de 1947, sendo uma sociedade anónima de navegação portuguesa.

Foi uma sociedade por quotas de responsabilidade limitada, cujo capital inicial foi de 90.000.000$ (moeda à época), repartido pelas três principais companhias de navegação e pelas cinco principais empresas petrolíferas existentes na altura.

Na década de cinquenta devido ao crescimento económico, a par do encerramento do Canal de Suez por Nasser, no ano de 1956; esta empresa procedeu à aquisição de uma série de novos navios – que pelos padrões da época eram verdadeiros gigantes – tais como o “FOGO” e o “HERMÍNIOS“.

Aliás, este último foi o primeiro navio tanque construído pela Kawasaki a ser vendido a uma empresa de navegação europeia; isto em 1960.

Após o 25 de Abril (1974) a empresa foi nacionalizada. A sua posterior privatização, em 1993, voltou às mãos dos seus antigos acionistas principais – Grupo José de Mello – que haviam participado na fundação através das suas participações na CNN-Companhia Nacional e Navegação e na Sociedade Geral de Indústria, Comércio e Transportes, Ldª.

Na data de 26 de março de 2004, a “Soponata” foi alienada à empresa norte-americana GENERAL MARITIME por 415 milhões de dólares. A venda foi outorgada por José de Mello que semanas antes tinha sido um dos subscritores do MANIFESTO DOS 40, no qual os empresários alertavam o governo para a absoluta necessidade de Portugal conservar a sua capacidade de decisão em pessoas nacionais.

Como curiosidade, passemos a uma lista dos navios que estiveram ao serviço da empresa nacional e respetivos anos de entrada ao serviço efetivo:

– AIRE, ano de 1947;

– GEREZ, mesmo ano (1947);

– MARÃO, ainda no mesmo ano (1947);

– SAMEIRO, 1950;

– ALVELOS, mesmo ano (1950);

– BORNES, 1951;

– CLÁUDIA, mesmo ano de 1951;

– SÃO MAMEDE, nesse ano de 1951;

– CERCAL, 1952;

– DONDO, 1955;

– ERATI, 1958;

– FOGO, 1958;

– HERMÍNIOS, 1960;

– GERÊS, 1962;

– INAGO, 1963

– JECI, ano der 1966;

– LAROUCO, ano de 1969;

– ORTINS BETTENCOURT, ano de 1973;

– MARÃO II, ano de 1973;

– MONTEMURO, mesmo ano (1973);

– MAROFA, ano de 1974;

– NEIVA, ano de 1976;

– SAMEIRO II, 1977;

– SÃO MAMEDE II, 1978

– NOGUEIRA, 1979;

– ALVELOS II, 1980;

– NISA, 1983;

– AIRE II, 1987;

– CERCAL II, 1988;

unnamed.jpg

– BORNES II, 1990;

– ERATI II, 1992;

– INAGO II, 1993;

– SONGO, 1996;

– JECI II, 1999;

– GERES, 1999; (sem acento)

– SINTRA, 2000;

– PENEDA, 2002 e o último,

– PORTEL, 2003.

 .

* Pesquisa, compilação e adaptação de

TEIXEIRA DA SILVA, AJ

Gondomar (Porto), Portugal

Janeiro.2014

7 Comentários

  1. Bernardo Artur diz:

    Boa noite,
    estou a procura de
    Antonio da Silva Bernardo, primeiro official do navio tanque Herminios;
    e ou foi meu primo; não sei nada d’ele.
    ele foi filho de Joaquim Bernardo, capitao da aviação da armada.
    Se saber qualquer coisa …..
    Muito obrigado
    Artur Bernardo

  2. teixeira da silva, aj. diz:

    Senhor Artur Bernardo boa noite. Com a anuência do ilustre editor aceito o desafio, mas para isso preciso de mais dados, nomeadamente possível data de nascimento e naturalidade (freguesia e concelho).
    Como tenho comigo alguns dados da tripulação que compunha o petroleiro, pode ser que consiga algo. Contudo estou obrigado a sigilo, daí só lhe responder se lograr obter qualquer informação sobre o António da Silva Bernardo e mesmo assim, só se o amigo Lino Dias autorizar a divulgação.

  3. Antonio Manel Cunha Marques da Silva diz:

    Boa noite
    Sou neto de um antigo tripulante do FOGO , o nome do meu avo paterno– ANTONIO MARQUES DA
    SILVA , gostaria de saber alguma coisa sobre ele pois morreu novo e da parte de meu pai pouco
    me contou .Tambem sei que antes andou embarcado no SANTA MARIA MANUELA –bacalhoeiro
    quando morreu vivia em Gondomar -Porto.
    Estou disponivel para um possivel encontro pessoal , pois resido ha muitos anos em Coimbra mas vou ao Porto todas as semanas pois sou comercial na area hospitalar
    Junto o meu numero de telemovel— 910512460
    Fico a aguardar noticias de Va. Exa.

    Atenciosamente
    Marques da Silva

  4. Sofia Vergara diz:

    Portugal foi uma gradiosa Pátria, e houve grandes Portugueses na história do mundo, mas pulhas como o Mário Soares trataram de acabar com o império colonial Português a troco de interesses pessoais e dos maçónicos.

  5. adelino borges diz:

    Muito bem me recordo desses tempos!Anos sessenta, e setenta (1969),quando passei a chefiar a secção de Armazéns ,e transportes,da então Sotinco,metade CUF,.e outra Inglesa:ICI,e que de certo modo abastecia -mos todos os navios ,quer portugueses ,ou mesmo de fora,eram pintados com as nossas tintas.O larouco,tendo sido construído nos estaleiros da Margueira,e como primeiro,levou tratamento de pinturas muito especial.Quanto à Sponata ,em Junho de 1970,houve um navio que não tinha lugar no cais,e foi asbatecido,à beira do Tejo,tendo eu e o meu pessoal transportado os materiais ,pelas passadeiras dos Peipe-laines,por onde passavam os combustiveis de bordo.Esse navio erra norueguês,e o seu pessoar brinonos com lanche ,pois era muito tarde qwuando se acasbou a tarefa de entrega.São histórias,que só quem as viveu,pode valorizar esses sacrifícios.

  6. adelino borges diz:

    Desculpem alguns erros ortográficos,mas,fiquei emocionado com este artigo.Chefiei aqueles serviços desde Outubro ,de 1969 até Maio de 1993, altura em que pedi a demissão,porque ,a Empresa ,passou para a congénere,CIN,e eu preferi sair e trabalhar por minha conta.Ou seja ,foram vinte e três anos e seis meses como responsável daqueles serviços de Transportes , na distribuição e Armazéns.
    Obrigado ao autor deste artigo.

  7. manuel malaquias diz:

    Sr. Artur Bernardo,
    Só hoje vi o seu comentário cerca do seu familiar António Bernardo.
    Começo por dizer-lhe que nos seus 87 anos, e com alguns problemas de saúde, ainda está bem .
    Mora em Lisboa, na zona de Belém, o seu contacto é 935786966, acabo de lhe falar no sentido de me autorizar a dar o contacto.
    Devo dizer-lhe que o snr. Bernardo foi durante largos anos Chefe de Máquinas em navios da desaparecida Soponata, foi meu chefe em vários navios o último dos quais o Neiva, e devo dizer-lhe que durante os largos anos que trabalhei no mar o Snr. António Bernardo foi sem dúvida das melhores pessoas que conheci, pela sua educação, forma de tratar os que com ele trabalhavam e pela sua indiscutível honestidade pessoal.
    Foi meu chefe pela primeira vez em 1972, no navio “Gerês” e ficou meu amigo até hoje.
    Espero que o vosso encontro seja feliz.
    Manuel PB Malaquias

Deixe um Comentário


Cronistas
Agenda
Agenda completa
Comentários Recentes
Últimos comentários