Farol da Nossa Terra – “Tasquinhas” animam Mortágua de 8 a 12 de Agosto
quinta-feira, 17 agosto 2017

Feiras — Segunda-feira, 7 Agosto 2017 — 0 Comentários

“Tasquinhas” animam Mortágua de 8 a 12 de Agosto

4U5A7277.JPGSão cinco dias de grande animação, de 8 a 12 de agosto, com a realização da XXVII Festa da Juventude/XIX Feira das Associações, organizadas pelo Município de Mortágua, em colaboração com o Movimento Associativo Local. A Praça do Município e o Largo 5 de Outubro aguardam por milhares de visitantes, numa altura em que a população residente aumenta consideravelmente, com o regresso de férias dos emigrantes mortaguenses espalhados pelos quatro cantos do Mundo.

A gastronomia, os concertos, a cultura, as artes, são os ingredientes principais das festas do concelho, mais conhecida pelos mortaguenses e pelos visitantes como a “Festa das Tasquinhas”, numa alusão à mostra gastronómica, que é a imagem de marca das festas. Este ano serão 34 as “tasquinhas” presentes no evento, dinamizadas pelas Associações Locais. Os visitantes podem contar com uma mostra gastronómica diversificada e rica de tradições, onde não podem faltar os pratos típicos do concelho, como a Lampantana, o Leitão assado, e os doces tradicionais.

À semelhança de anos anteriores, uma Associação de Wormeldange (Luxemburgo) estará representada com gastronomia e vinhos desta região do Vale de Moselle. Uma presença que se insere na geminação entre os Municípios de Wormeldange e de Mortágua.

Os concertos de palco são outros dos fortes motivos para visitar Mortágua nestes dias, com a atuação de conhecidos artistas e grupos do panorama musical português.

Pedro AbrunhosaAlbum Contramão 2013Fotografias:© LionelBalteiro/MínimaIdeiaQuim Barreiros (dia 8), Aurea (dia 9), Tara Perdida (dia 10), Pedro Abrunhosa (dia 11) e Marco Paulo (dia 12) são os cabeças-de-cartaz desta edição. Em cada noite haverá ainda a atuação de Bandas locais. Na última noite destaca-se ainda a Gala Internacional de Folclore, organizada pelo Rancho Folclórico e Etnográfico de Vale de Açores, que contará com a presença de dois grupos estrangeiros, oriundos de Espanha e da Argentina, além de grupos representativos das danças e cantares de várias regiões do país. O desporto estará representado no evento pelo Torneio de Tiro aos Pratos, organizado pela Associação de Caça e Pesca de Mortágua.

O programa das festas integra ainda a Mostra de Artesanato, na sua 4ª edição, com a presença de 11 expositores/artesãos ligados a diversas áreas.

ManifestArte 

O programa das festas integra paralelamente a 2ª edição do ManifestArt, um roteiro de manifestações culturais e artísticas. Ao todo, seis espaços devolutos situados na zona antiga da Vila e na proximidade do local das festas, vão ganhar vida durante estes cinco dias, transformados em espaços de exposições e de performances, com a participação de artistas e autores locais. Estarão representadas áreas como Fotografia, Pintura, Desenho, Escultura, Sonoplastia, Vídeo, Música e Literatura.

Os espaços funcionam entre as 15h00 e as 23h00.

O primeiro dia das festas será marcado por outros dois momentos de relevante interesse para o concelho: Inauguração do “Percurso Pedestre da Ribeira da Fraga” e apresentação do Centro Interpretativo “Mortágua na Batalha do Bussaco”. São dois novos espaços que vêm reforçar e enriquecer a oferta cultural e turística do concelho, potenciando a atração de mais visitantes.

Pelas 18h30 decorrerá a inauguração do Percurso Pedestre da Ribeira da Fraga. Com uma extensão de cerca de 2,5 km, o percurso pedestre estende-se ao longo da Ribeira da Fraga, ligando a povoação do Barril ao Parque Verde.

Inseriu-se num projeto de recuperação e valorização ambiental da Ribeira da Fraga, promovido pelo Município, tendo como finalidade a requalificação e um melhor aproveitamento desta zona ribeirinha e de toda a sua envolvência paisagística, caracterizada pela existência de vegetação e árvores autóctones (amieiros, freixos, vimeiros, carvalhos), que proporcionam ambiências agradáveis e atrativas, durante todo o ano, e especialmente nos meses de Verão.

O percurso promove a articulação deste curso de água ao Parque das Nogueiras e ao Parque Verde, garantindo a continuidade e fruição destes espaços de lazer, e promove sobretudo uma maior proximidade e uma fruição mais efetiva desta zona ribeirinha por parte da população. Ao longo do percurso os utilizadores contam com várias áreas de estadia/repouso, além de equipamentos para a prática de exercício físico (urban fitness).

Foram executadas medidas de valorização estética, ambiental e ecológica, nomeadamente a criação de pequenos açudes, limpezas seletivas do leito e margens, proteção das margens, valorização da vegetação existente e novas plantações de árvores autóctones.

Centro Interpretativo “Mortágua na Batalha do Bussaco”

 Pelas 19h00, será apresentado publicamente o Centro Interpretativo “Mortágua na Batalha do Bussaco”, localizado na Rua Dr. João de Morais. Este Centro, que está em fase de instalação, será inaugurado oficialmente no dia 24 de setembro, uma data simbólica, uma vez que foi neste mesmo mês de 1810 que se deu a incursão das tropas invasoras por terras de Mortágua e se travou a célebre Batalha do Bussaco (27 de setembro).

Através desta apresentação, o público ficará a conhecer, desde já, a organização do espaço e as temáticas que serão abordadas no Centro de Interpretação.

O Centro Interpretativo será um espaço dedicado à divulgação e preservação do património histórico do concelho, evocando a passagem das Invasões Napoleónicas no concelho e o confronto da Batalha do Bussaco, que ocorreu em grande parte nos limites do concelho, junto a Sula e Moura (freguesia de Trezoi). Terá ainda objetivos científicos e pedagógicos, fomentando o conhecimento, estudo e investigação acerca deste acontecimento histórico, e particularmente sobre a sua incidência no concelho de Mortágua.

.

Gabinete de Assessoria Técnica da Câmara Municipal de Mortágua

Deixe um Comentário


Cronistas
Agenda
Agenda completa
Comentários Recentes
Últimos comentários