Festas da Vila e Carnaval de Verão deram grande animação a Cabanas de Viriato

IMG_0099.JPG

Cabanas de Viriato viveu um fim-de-semana de muita animação nos dias 11, 12 e 13 de Agosto, com mais uma edição das Festas da Vila, iniciativa recuperada em 2009 pelos fundadores da Associação Festas da Vila de Cabanas de Viriato, e com o terceiro Carnaval de Verão, organizado pela Associação do Carnaval de Cabanas de Viriato.

Estas festas envolvem sempre um forte espírito bairrista e uma estreita colaboração do movimento associativo da vila, contando, além da parceria daquelas duas associações, com apoio logístico da Sociedade Filarmónica e apoio activo da Associação dos Bombeiros Voluntários.

O serviço diário de restaurante, em refeições de jantar, com 400 lugares de mesa à disposição, é a principal fonte de receita das Festas da Vila, tanto assim que as entradas são livres, funcionando no parque das instalações da Sociedade Filarmónica, ao ar livre, bem como toda a animação de palco. A qualidade da comida, cozinhada e servida no recinto das festas, tem atraído sempre muita gente e este ano assim voltou a acontecer, quase sempre com todos aqueles lugares ocupados, atingindo o milhar de refeições no total dos três dias, o que reforça o êxito do figurino destas festas e realça a dinâmica dos seus organizadores e colaboradores.

A arruada do Grupo de Bombos “Os Viriatos”, na sexta-feira, a partir das 19h00, deu início à animação das festas. Nesse primeiro dia a animação nocturna esteve por conta do grupo musical LP Music, de Tondela. A Viriatus Band, da Filarmónica de Cabanas de Viriato, e o grupo musical MP5, de Tábua, animaram a noite do segundo dia. A noite do terceiro dia foi animada pelo grupo Duo Latino, de Aveiro.

Incluído no programa das Festas da Vila, mas com lugar num troço da Avenida Aristides de Sousa Mendes, o Carnaval de Verão voltou a contar com a participação da Escola de Samba Vai Quem Quer, de Estarreja, repetindo a presença de há dois anos. Aquele “sandrónomo” encheu-se de alegria, beleza e fantasia, num colorido atractivo, com os ritmos brasileiros das pujantes baterias da escola de samba, cantados ao vivo, e as deslumbrantes coreografias das suas dançarinas a conquistarem e a contagiarem o público.

Também o Carnaval “da casa” conquistou o público na “Dança dos Cus”, com grupos previamente organizados e com a espontaneidade de muitos populares, ao som da velhinha valsa do Carnaval, musicada por um grupo de músicos actuais e antigos da Filarmónica. No final dessa actuação, a “Dança dos Cus” continuou pela rua até ao recinto das festas, terminando junto às mesas onde o serviço de refeições já registava grande movimento.

À meia-noite houve o habitual espectáculo de fogo-de-artifício, colorindo os céus de Cabanas de Viriato durante cerca de 15 minutos, a partir do jardim de uma vivenda ao lado do recinto das festas, cujo proprietário ofereceu aquele espectáculo. Foi um final de festa empolgante!

Lino Dias

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*