Por um grande amor

ADELINO BORGES

ADELINO BORGES.JPG

.

Quando um amor é grande
Depressa em nós se expande
Ande ele, por onde ande
Quer sempre ser maior
O amor que sempre espera
Circula pelos cantos da terra
Percorrendo toda a esfera
Para se considerar melhor.
.
 Não há espera que esmoreça
Nem de quem amar se esqueça
Pelo aprumo da cabeça
Para o amor melhor sentir
Dentro da melhor compreensão
Que nos incita à ambição
Pela melhor ocasião
E ,nunca o deixar fugir.
.
Com carinhos tão suaves
Que nunca surjam entraves
Apertando bem as chaves
Onde se guarda a esperança
Aqui o amor se fortifica
Numa aceitação que permita
Pelo bom sentido que exista
Sempre da maior confiança.
.
Dos carinhos tão suaves
Que se evitem as entraves
Apertando bem as chaves
Onde se guarda a esperança
Aqui o amor se fortifica
Numa aceitação que permita
E ,dom bom gosto que exista
Sempre na maior confiança.
.
Trocam-se beijos e abraços
Dentro de pequenos espaços
Reforçando assim os laços
Para a confiança existir
Desses beijos profundos
Que se espalham pelos mundos
Excluindo os moribundos
O amor que prosseguir.
.
Dentro de diálogos constantes
Entre todos os amantes
Consagram os melhores instantes
Para curtir o amor
Pelo modo  que se rege
vendo o  pensamento leve
Pela paixão é entregue
Em tudo se vê valor.

1 Comment

  1. Peço desculpa aos caros leitores,porque repetição,indevida na terceira,com a quarta oitava…Obrigado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*